Rss

sábado, 12 de novembro de 2011

1 corintios 13 4-13

1 corintios 13 4-13 "O amor é longânime e benigno. O amor não é ciumento, não se gaba, não se enfuna, 5 não se comporta indecentemente, não procura os seus próprios interesses, não fica encolerizado. Não leva em conta o dano. 6 Não se alegra com a injustiça, mas alegra-se com a verdade. 7 Suporta todas as coisas, acredita todas as coisas, espera todas as coisas, persevera em todas as coisas.

8 O amor nunca falha. Mas, quer haja [dons de] profetizar, serão eliminados; quer haja línguas, cessarão; quer haja conhecimento, será eliminado. 9 Pois temos conhecimento parcial e profetizamos parcialmente; 10 mas, quando chegar o que é completo, será eliminado o que é parcial. 11 Quando eu era pequenino, costumava falar como pequenino, pensar como pequenino, raciocinar como pequenino; mas agora que me tornei homem, eliminei as [características] de pequenino. 12 Pois, atualmente vemos em contorno indefinido por meio dum espelho de metal, mas então será face a face. Atualmente eu sei em parte, mas então saberei exatamente, assim como também sou conhecido exatamente. 13 Agora, porém, permanecem a fé, a esperança, o amor, estes três; mas o maior destes é o amor."

0 comentários:

Postar um comentário

Blogger templates

free counters